Aprender a gerir emoções

Quando não reconhecemos e gerimos de forma correcta as nossas emoções estas podem se descontrolar e deixarem de ser moléstias pontuais (estarmos uns dias com insónias) causando problemas de saúde mais sérios, ao ponto de dificultarem o nosso dia a dia (hipertensão, enxaquecas contínuas, insónia crónica, entre outros). É preciso ter consciência que emoções podem ser controladas, mas para isso é fulcral reconhecer se os sentimentos e pensamentos precedentes a cada emoção, por exemplo, se pensarmos que algo irá correr menos bem, muito certamente iremos sentir tristeza e medo). Caso estas emoções se prolonguem por muito tempo, ao ponto de existir a necessidade de chorar sem controlo, ou até mesmo de vomitar, é hora de parar urgentemente e olhar se para "dentro" de nós!  Podem se utilizar diversas formas/técnicas de relaxamento e/ou de controle de impulsos; fazer exercício físico; controlar a dieta alimentar, pois estas influenciam muito o nosso ânimo. Podemos então com estas diversas ferramentas aumentar de uma forma voluntária e consciente a nosso predisposição, obtendo estados de ânimo positivos, minimizando os efeitos de todas as emoções negativas.



PowerBlog 

Sem comentários:

Enviar um comentário